imagem top

2021

ANUÁRIO DO HOSPITAL
DONA ESTEFÂNIA

CHULC LOGOlogo HDElogo anuario

×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 34

TEMPO DE RESPOSTA, UM INDICADOR DE QUALIDADE NA BIOLOGIA MOLECULAR

Miguel, P; Branquinho, P; Lopes, L; Baranito, P, Flores, C; Rita Côrte-Real

Biologia Molecular, Serviço de Patologia Clínica – Centro Hospitalar de Lisboa Central

Introdução: A introdução de indicadores para as fases pré, analítica e pós analítica foi considerada fundamental para a aferição da Qualidade dos resultados. Programou-se a introdução de um novo indicador que envolvesse simultaneamente a fase analítica e pós analítica. O objetivo deste trabalho foi avaliar o tempo que decorreu entre o dia da colheita e a data em que o resultado ficou disponível para definição do indicador “Tempo de resposta”.
Material e métodos: Foi feita a análise retrospetiva dos dados - data do pedido, número de pedidos, amostras efetuadas por série, tempos de validação técnica e médica - dos pedidos não urgentes de cargas víricas (cv) de EBV, CMV, VHB, VHC, VIH, e do HPV que corresponderam a 8067 amostras e 82 % dos testes efetuados na BM, em 2012.
Resultados: O número de amostras com pedido de cv para o EBV foi de 107, feitas em 27 séries com uma média de 4,1 amostras. O tempo que mediou o pedido, a execução e validação técnica foi de 8,9 dias e de validação médica de 9,9 dias. Quanto à cv do CMV os pedidos atingiram os 621, efetuados em 53 séries com uma média de 11,5 amostras e os tempos de validação técnica e médica foram de 6,0 e 6,5 dias. As 789 cv do VHB foram quantificadas em 44 séries, média de 17,9 amostras, com tempos de validação técnica e médica de 9,0 dias. As 686 amostras para cv do VHC distribuíram-se por 44 séries, média de 15,6, com tempos de validação técnica e médica de 8,7 e 8,9 dias. Os pedidos de cv para o VIH1, 5528, significativamente superiores aos outros testes foram determinados em 121 séries com uma média de 45,8 amostras e tempos de validação de 5,1 e 5,3 dias respetivamente. Os 336 testes para HPV distribuíram-se por 34 séries, com 9,8 amostras em média e tempos de validação técnica e médica de 12,9 dias e 13,5 dias.
Conclusões: Considerámos tempo de resposta o tempo, em dias, entre a colheita e a validação médica do resultado. Verificou-se que este tempo foi igual ou ligeiramente superior ao da validação técnica, variando entre 0,2 dias e um dia. Os tempos de resposta observados foram diferentes para os testes avaliados sendo o mais curto para a cv do VIH1-5,3 dias - e o mais prolongado para o HPV-13,5 dias. Estes tempos bem como os das restantes cv são adequados ao diagnóstico e monitorização das patologias que estiveram na base dos pedidos provenientes, maioritariamente, das consultas externas dos Hospitais do CHLC.

Palavras-chave: tempo de espera, biologia molecular